CLTreta: perfil do funcionário odiado pelo RH

CLTreta: o profissional tóxico terror do RH

Disparado o pior funcionário que uma empresa pode pedir e o terror do RH! Você já ouviu falar no termo “CLTreta”? Recentemente o termo apareceu no PrimoCast, o podcast do Primo Rico, e gerou uma boa discussão no mercado de trabalho.

O episódio em questão debate os maus comportamentos que o seu colega ou que o seu colaborador pode estar adotando no ambiente de trabalho e que só contaminam a cultura de uma empresa.

Sabe aquela pessoa que conhece todos os direitos que a Consolidação das Leis do Trabalho e a Convenção do Sindicato trazem e que usa e abusa das leis para ser improdutivo e tirar vantagem da sua própria empresa?

É sobre esse tipo de funcionário que vamos falar hoje. Segue na leitura pra saber porque o CLTreta é um problema e quais as suas características.

Características de um CLTreta

Atenção: o CLTreta não é um criminoso!

Muito pelo contrário, ele faz tudo dentro da lei e toma cuidado para não passar dos limites.

Esse profissional não profere xingamentos, não pratica vandalismo ou algo do tipo. Portanto, para não confundirmos conceitos, vejamos a lista a seguir com as principais características deste perfil de trabalhador.

Funcionário que adora uma treta com o RH
  • Coco remunerado: os CLTretas esperam chegar no trabalho para ir ao banheiro, ao invés de se organizar para fazer antes de começar o dia ou deopis de bater o ponto. Parece que é de propósito! Ficam o intervalo inteiro no Facebook e quando chega o horário de retomar a atividade… PIMBA! Deu vontade de fazer o número 2;
  • Dormir no banheiro: sim, esse é o tipo de funcionário que dorme no banheiro… no depósito, na lavanderia, etc. A treta é tão grande que alguns roncam! A tática é utilizar 20 minutos do seu horário de trabalho para dar uma cochilada no banheiro, fingindo estar lá por necessidades naturais;
  • “Intervalo de uma hora é intervalo de uma hora”: ele vai utilizar todo o tempo que tem direito pela CLT para fazer nada;
  • Cinco minutinhos de tolerância: você chega 15 minutos antes de começar, nota o circo pegando fogo e ainda assim prefere esperar dar 8:05, porquê este é o atraso tolerável da empresa? Alerta CLTreta!
  • Exigir os R$5,00 de vale-transporte: a insignificância e o detalhe da falta de R$5,00 no vale-transporte levam o CLTreta a perturbar o coordenador na cobrança desses R$5,00 que faltam para completar o valor total que lhe foi prometido na contratação.

Todas estas práticas entre outras tantas são atitudes que desgastam uma equipe e só trazem prejuízo a sua empresa. Portanto, não tem como não perceber a toxicidade desse profissional.

Para tentar mudar essa história, queremos te mostrar os malefícios de seguir a CLT à risca. Confira!

Por que ser um CLTreta pode te prejudicar?

A energia que você gasta reclamando de detalhes como R$5,00 no seu vale, além de desgastar os seus superiores, contamina colegas que passam a exigir todas as pequenas demandas seguradas pelas leis do trabalho.

Essa energia poderia estar sendo gasta para produzir, para pedir um aumento, para aprender…

Quando você gasta tempo em que você poderia estar fazendo algo de útil para a sua empresa e para você, você está atrasando o seu próprio desenvolvimento. Ao invés de mostrar o seu valor e justificar um pedido de aumento ou uma promoção, por exemplo, você não passa do básico.

E o pior pode acontecer também: demissão!

Histórias de demissões de profissionais que demandam pagamento compatível com as convenções de sindicatos ou exigência de direitos trabalhistas são conhecidas.

Você pode pedir o seu direito e até levar a questão para a justiça? Pode. Mas questione-se se todo esse movimento valerá à pena no final, pois você pode ficar um período longo sem emprego, se desgastando com processos e com a imagem manchada no mercado de trabalho.

Atitudes de um profissional de valor

Quer merecer uma promoção? Então dá só uma olhada nos comportamentos admirados pelo departamento de recursos humanos e por todos os líderes da sua empresa:

  • Estar disponível para trabalhar fora de hora e cobrir imprevistos de escala;
  • Não se importar em ficar um pouco a mais para terminar uma tarefa ou chegar mais cedo para preparar o dia;
  • Dar prioridade ao trabalho e ir ao banheiro quando realmente precisar;
  • Pensar Ganha/Ganha quando argumentar com a empregadora; e
  • Em caso de insatisfação e dificuldade para negociar, peça demissão ao invés de atrapalhar o ambiente de negócios do seu time.

Ao compartilharmos o perfil desse profissional, nós confiamos que você seja capaz de se tornar promovível e tenha facilidade para identificar as laranjas podres do time. Além disso, acreditamos ter deixado claro a intenção de separar perfis problemáticos de bons funcionários e que você utilize este artigo como um guia.

Se identificou com o perfil ou conhece algum CLTreta? Então leva essa discussão para o LinkedIn e sinta-se livre para marcar a nossa company page por lá.

Publicado por Germano Ferreira

Editor-chefe

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: