#OpenToWork do LinkedIn: o que é, como usar e quando adotar

#OpenToWork do LinkedIn: o que é, como usar e quando aplicar?

A #OpenToWork vem sendo utilizado por muitos usuários do LinkedIn que estão em busca de um emprego, mas será que eles estão cometendo um grande erro? Se você é um desses profissionais, ligue o seu alerta e escute a opinião de um especialista no assunto.

Canal Marketing no LinkedIn | Usar ou não usar a #OpenToWork no LinkedIn?

“Mas afinal, por que o LinkedIn, rede social que se beneficia do match de oportunidades laborais com profissionais capacitados, indicaria uma função que prejudicaria o usuário?” – você deve estar se perguntando…

No artigo de hoje nós vamos descobrir o que exatamente é essa tag, como adotá-la no nosso perfil e se ela mais atrapalha do que ajuda os desempregados!

O que é #OpenToWork?

Você já deve ter visto (ou até utilizado) essa moldura verde do LinkedIn, com a #OpenToWork inserida nela, em muitas fotos de perfis no seu feed.

Pois saiba que essa é uma funcionalidade da rede social corporativa para que desempregados mostrem para toda a sua rede que estão em busca de recolocação. Ou seja, disponíveis para trabalhar quando traduzimos a hashtag do inglês para o português.

A maioria dos profissionais acionam essa aplicação na esperança de ser identificado com maior facilidade, uma vez que é possível notar a tag verde na sua foto de longe!

Além disso, junto com esse frame, o membro da rede é incentivado a fazer uma publicação utilizando a hashtag. E editar as preferências de vagas de emprego, como os cargos, as localizações, a data de início e os tipos de vaga de interesse.

Quer saber como colocar esse frame e adotar essa estratégia no seu currículo? Então segue na leitura e descubra!

Como colocar #OpenToWork no LinkedIn

Se você ficou com vontade de testar esse selo, nós preparamos um passo a passo de ativação. Confira!

  • Entre no seu perfil e encontre o seguinte box. Ele estará no seu cabeçalho, abaixo das informações de contato e acima da seção “Sobre”;
O primeiro passo para adicionar o selo #OpenToWork
  • Você pode também começar clicando no botão azul “Tenho interesse em…”, abaixo das suas informações de contato, e selecionar a opção “Encontrar um novo emprego”;
  • Ao clicar sobre o box ou sobre o botão indicados você irá abrir a seguinte janela:
Adicione as suas preferências de vaga no LinkedIn
  • Adicione as suas preferências de vaga de acordo com a sua realidade, escolhendo cargos, localidades, data de início e tipos de vaga de interesse;
  • Clique na flechinha do quadro no canto inferior direito ao lado da opção “Selecione quem pode ver que você está procurando emprego”;
  • Selecione a opção “Todos os usuários do LinkedIn”; e
  • Salve as configurações no botão azul “Adicionar ao perfil”.

Feito isso o selo já estará aparecendo para você, para recrutadores, para o seu network e para todos os membros da rede social. Além disso, você pode seguir o incentivo do LinkedIn para começar uma nova publicação logo em seguida.

Ao clicar no botão “Começar uma publicação” o sistema cria automaticamente um post em que você pode editar partindo de algum lugar:

Mostrando a sua rede que você está em busca de recolocação

Essa ação é fortemente recomendada quando você precisa de uma vaga de emprego para o curto prazo. Afinal, existem contatos na sua rede que podem te ajudar com indicações de vagas de emprego ou interagindo com o seu post para que chegue a mais pessoas, inclusive a profissionais de RH e tomadores de decisão.

Simplesmente adotar o selo e não engajar no LinkedIn é o mesmo que não adotar a #OpenToWork. Por isso, comece a produzir conteúdo para o seu público!

Canal Marketing no LinkedIn | Como começar no LinkedIn?

Por fim, é importante saber que essa opção também é editável e não é permanente. Ou seja, você pode cometer erros e depois editar ou então excluir o selo em caso de não simpatizar ou de conseguir um emprego novamente.

Basta seguir os primeiros passos deste guia para abrir a janela “Editar preferências de vaga” e então clicar no botão “Excluir” do canto inferior esquerdo.

Ou então fazer as edições e clicar no botão “Salvar” para continuar mostrando aos recrutadores que você segue buscando uma vaga. Essa opção é aconselhável manter ativa por tempo indeterminado e os motivos disso nós compartilhamos na seção a seguir deste artigo.

Usar ou não usar o selo do LinkedIn?

Agora que você já sabe o que é a #OpenToWork e como colocá-la no seu perfil, nós queremos compartilhar as vantagens e desvantagens dessa função da maior rede social corporativa do mundo!

Antes de entrarmos no assunto, que tal seguir a nossa company page no LinkedIn para não perder as dicas e novidades sobre como se dar bem com essa ferramenta?

Agora sim, saiba como funciona o selo e decida por si próprio se você deve ou não utilizar!

Vantagens da #OpenToWork

1. A sua rede fica sabendo

Você já deve ter percebido que o selo chama bastante atenção, certo? É possível notar o verde do frame de longe e isso facilita a identificação de quem está aberto para uma vaga de emprego.

Essa qualidade pode ser uma vantagem quando você possui uma forte rede de contatos, te levando a uma possível indicação ou a uma mobilização para que você consiga se recolocar rapidamente.

Isso se potencializa quando você ajuda outras pessoas da sua rede compartilhando o seu conhecimento com conteúdo e quando você interage com os seus contatos, sempre se mantendo top of mind na sua área de atuação.

É por causa dessas situações urgentes que estamos sempre repetindo a necessidade de você ser ativo no LinkedIn!

No Playbook do LinkedIn nós já compartilhamos a história do nosso editor-chefe que conseguiu uma recolocação em menos de uma semana, utilizando conteúdo e um forte engajamento da sua rede. Aliás, ele utilizou o selo do LinkedIn e contou sobre o seu potencial aqui.

2. Atrai mais visitas

O simples fato de chamar atenção pode ser um atrativo a recrutadores que, por um acaso, estavam buscando um profissional da sua área.

Imagina que o seu artigo do Pulse passou pelo feed de notícias de um Tech Recruiter, esse profissional notou o seu conteúdo sobre tecnologia e que você utiliza a #OpenToWork. Como ele está com um processo seletivo aberto na área de TI, resolveu checar se você possui as qualificações necessárias e finalmente visitou os eu perfil.

Perceba aí a importância de apresentar o seu currículo, de saber o que é um perfil campeão e de produzir conteúdo no LinkedIn!

Além disso, o simples fato de ativar o seu interesse em encontrar um emprego ao determinar preferências de vaga, faz com que o algoritmo da rede social indique o seu perfil nas buscas de recrutadores e tomadores de decisão.

Nós realizamos testes mensais com essa funcionalidade e percebemos que o número de visitas tem capacidade de dobrar quando você mantem ativa essa opção!

Nesse caso não estamos nos referindo ao frame verde especificamente, mas sim a opção “Buscando emprego” como um todo. Ou seja, a inteligência da ferramenta irá entender que você está buscando emprego com ou sem a tag, desde que a função “Buscando emprego” esteja ativada.

Desvantagens da #OpenToWork

1. Você perde autenticidade

No meio da manada de candidatos em um processo seletivo, você precisa se destacar! E – isso vai parecer inusitado – a sua foto pode ser um diferencial.

Veja bem, o seu estilo, sorriso, cabelo e todas as outras qualidades que compõem a sua aparência fazem de você único e transmitem a sua verdadeira essência. Aliás, infelizmente esse é, por exemplo, um dos motivos do racismo sistêmico selecionar mais brancos do que pretos em processos seletivos.

Apesar dos pesares, seja você privilegiado ou não, nós defendemos que você assuma a sua identidade e não esconda o seu rosto com maquiagem, photoshop, gel ou a #OpenToWork do LinkedIn.

Afinal, quando você for contrato será pelos seus valores e pelas suas habilidades profissionais. E isso lhe dará um ambiente de trabalho que realmente dá match!

2. Qual a sua vantagem competitiva?

Ninguém vai te contratar pelo simples fato de você estar mostrando que está disponível para trabalhar.

E daí que você está buscando emprego? Os recrutadores querem saber se você é o candidato ideal esteja você empregado ou não.

Dito com outras palavras, adicionar esse selo do LinkedIn não fará você ser contratado e sim as suas hard e soft skills.

3. Imagem de desespero

Essa é uma das regras do jogo social que poucas pessoas admitem utilizar, mas acontece muito nas nossas relações. Principalmente nas amorosas…

Quando você está começando um affair e quer que o outro caia de amores por você, quais as táticas utilizadas? Você demora dias para responder uma mensagem, se faz de difícil quando estão presentes e faz questão de mostrar que é disputado!

Você gostando ou não desse jogo, ele acontece em todas as nossas relações, inclusive com o profissional de recursos humanos.

Nesse caso, utilizar a #OpenToWork faz de você um candidato desinteressante, afinal ela representa que ninguém está interessado em você e que você está aceitando qualquer coisa.

Quando se trata do jogo da conquista no mercado de trabalho, as táticas utilizadas devem ser:

  • Calma e capacidade de síntese;
  • Se mostrar aberto a novas oportunidades, mas não desesperado;
  • Se mostrar interessado e determinado; e
  • Compartilhar os seus sucessos com alguma frequência, mas não todos os dias a ponto de parecer egocêntrico e prepotente.

Invista em marketing pessoal

Depois de descobrirmos a #OpenToWork, como adotá-la e se você deve ou não utilizar, imaginamos que algumas lições você tenha aprendido. Deixa aqui nos comentários a sua opinião sobre esse selo e se você teve bons resultados quando a utilizou. Participe!

Esperamos que você tenha entendido a importância de se manter ativo no LinkedIn, produzindo conteúdo, interagindo com a sua rede e ajudando outras pessoas a buscarem os seus objetivos profissionais.

Saiba que todas essas dicas devem fazer parte do seu marketing pessoal!

É por isso que, além de produzirmos conteúdos gratuitos, nós também desenvolvemos uma Consultoria Especializada em LinkedIn. Com ela você pode montar um plano de recolocação ou promoção na carreira, utilizando estratégias de conteúdo, de currículo e de networking.

Entre em contato e peça o seu diagnóstico gratuito.

Publicado por Germano Ferreira

Editor-chefe

2 comentários em “#OpenToWork do LinkedIn: o que é, como usar e quando adotar

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: